Formação Sindical

Observatório Emprego

Portuguese English French German Italian Russian Spanish
Agenda Sindical

 

 

20 de Novembro 2018 a Outubro 2019:

Greve nacional (21 dias) dos juízes portugueses, aprovada em assembleia geral, como medida de protesto para alcançar um acordo global e estável para a revisão completa do EMJ.

Fonte: ASJP

4 de Janeiro a 4 de Outubro:

Greve ao trabalho não remunerado dos Oficiais de Justiça devido à falta de reconhecimento ao trabalho obrigatório, sem qualquer tipo de remuneração e reconhecimento, em especial para efeitos do regime de aposentação.

Fonte: SOJ

16 de Janeiro a 1 de Julho:

Greve dos estivadores do porto Praia da Vitória, nos Açores, em defesa da liberdade de filiação sindical e melhores condições de trabalho.

Fonte: SEAL

23 de Janeiro a 31 de Dezembro:

Greve a todo o trabalho extraordinário dos guardas prisionais do Estabelecimento Prisional de Lisboa (EPL), paralisação marcada pelo Sindicato Nacional da Guarda Prisional.

Fonte: SNCGP

1 de Abril a 30 de Junho:

Greve (novo ciclo) dos inspectores das pescas ao trabalho extraordinário e em dias de descanso semanal e feriados, para exigir o reinicio das negociações (interrompidas) da revisão da carreira de inspecção das pescas.

Fonte: CGTP-IN

1 a 31 de Maio:

Greve (intermitente) dos trabalhadores da EGOR a laborar no call center da MEO Altice, no Porto, por aumentos salariais e o fim da precariedade.

Fonte: SINTTAV

5 a 19 de Maio:

Greve (parcial) dos motoristas das Empresas privadas de transporte de passageiros do Norte, representadas pela ANTROP, para exigir um aumento digno dos salários.


20 a 24 de Maio:

Greve dos médicos anestesiologistas do Serviço de Anestesiologia do Hospital Fernando Fonseca, pela contratação de mais especialistas, por horários de trablaho dignos, entre outras reivindicações.

Fonte: SMZS

22 de Maio:

Greve e concentração dos trabalhadores do Hospital Fernando Fonseca, pela aplicação do Acordo Colectivo, pagamento dos 635€ e pela contratação de trabalhadores.

Fonte: STFPSSRA

7 de Junho:

Greve e manifestação nacional dos trabalhadores das IPSS's e Misericórdias, por melhores salários, pela valorização dos trablahdores e em defesa dos seus direitos laborais.

Fonte: STFPSSRA

 

contra a imposição de alterações ilegais de horários de trabalho